Programação semestral

Nesta seção, você encontrará a programação de atividades do Ecoando® No primeiro semestre de 2020, além das informações sobre os níveis de dificuldade.

Não deixe de ler também a seção Dicas, Regulamento das atividades e etc., que traz recomendações, regras de participação e outros dados importantes.

Já para saber a melhor forma de se engajar às atividades do grupo, acesse Como participar.

Para fazer a(s) sua(s) reserva(s) ou acertar sua mensalidade (no caso dos associados), clique em Pagamentos .

Qualquer dúvida ou mais informações, entre em Contato conosco.

MARÇO

21 – sáb – CIRCUITO PISCINAS DO RIO SOBERBO (viagem)ATIVIDADE CANCELADA EM FUNÇÃO DO NOVO CORONAVÍRUS

28 – sáb – TRAVESSIA ITAPEBUSSUS-MAR DO NORTE (viagem – na dependência de avaliação em função do novo coronavírus) – Caminhada a beira-mar, em Área de Relevante Interesse Ecológico, rica em belas paisagens, remanescentes bem preservados de restinga, manguezal e Mata Atlântica, além de recantos selvagens para banho de mar (nível 5 – Rio das Ostras/Macaé – dia inteiro). Preço sob consulta. Associados: -10%. Transporte incluído.

Datas vagas: 22 e 29 (domingos) .

ABRIL

4 – sáb – CIRCUITO ECO-HISTÓRICO DE VASSOURAS (viagem) – ATIVIDADE CANCELADA EM FUNÇÃO DO NOVO CORONAVÍRUS

6 a 8 – seg a qua – TIRADENTES ECO-HISTÓRICO* (viagem) ATIVIDADE CANCELADA EM FUNÇÃO DO NOVO CORONAVÍRUS

11 – sáb – PEDRA DO BONET E POÇO NEGRO (viagem) – Elevação de amplos visuais, alcançada em trilha cênica e esfarelenta, com direito a esticada até bela cachoeira com piscina natural (níveis 4 e 1 – Petrópolis – dia inteiro). Preço sob consulta. Associados: – 10%. Transp. incluído.

21 – ter ( feriado de Tiradentes) ALTO MOURÃO** – O ponto culminante do Parque Estadual da Serra da Tiririca (412 metros), alcançado em caminhada variada e emocionante (nível 6 – Niterói/Maricá – seis horas). Obs.: exige tolerância à altura. R$ 75,00. Associados: grátis.

23 – qui (feriado de São Jorge) – CACHOEIRA DO SEGREDO – Trajeto em estradinhas rurais e trilhas curtas, para visita de pequena queda d’água, na APA das Serras de Maricá (nível 3 – Maricá – quatro horas). R$ 75,00. Associados: grátis. Transp. opcional: R$ 60,00.

25 – sáb – CIRCUITO ANJOS-ATALAIA-BOQUEIRÃO (viagem) – Roteiro ecourbano que une belas vistas marinhas e muita história (nível 5 – Arraial do Cabo – dia inteiro). Obs.: levar calça comprida. Banho de mar. Preço sob consulta. Associados: – 10%. Transp. incluído. Transp. opcional: R$ 60,00. 

Datas vagas: 5, 12, 19, 26 (domingos), 10 (Sexta-feira Santa) e 18 (sábado).

MAIO

9 – sáb – CIRCUITO BOA VISTA-SANTA FÉ (viagem) – Percurso circular por trilhas, caminhos e estradinhas rurais, no Parque Estadual dos Três Picos (nível 7 – Cachoeiras de Macacu – dia inteiro). Banho de rio. Preço sob consulta. Associados: – 10%. Transp. incluído.

15, 16 e 17 – sex a dom – ILHA GRANDE* (viagem) – Visita à maior ilha marinha do Rio de Janeiro, com direito a passeios e caminhadas, além de estrutura de hospedagem e transporte (níveis variados – Angra dos Reis – três dias e dois pernoites). Reservas até o dia 30 de abril . Preços sob consulta. ATP*.  Associados: -10%.

23 – sáb – PEDRA BONITA – Platô de rocha que descortina ampla paisagem, no Parque Nacional da Tijuca (nível 3 – Rio – três horas). R$ 75,00. Associados: grátis. Transp. opcional: R$ 60,00.

24 – dom – ALTO DO GUYÁ VIA MARICÁ – Subida alternativa de elevação que delimita três municípios, rica em história, belas paisagens e alguns desafios (nível 6 – Maricá/Itaboraí/São Gonçalo – cinco horas). R$ 75,00. Associados: grátis. Transp. opcional: R$ 50,00.

30 – sáb – MORRO DO PORCELET (viagem) – Elevação de 1.441 metros de altitude, com belas vistas, localizada na divisa de vários bairros friburguenses, entre eles Mury (nível 5 – Nova Friburgo – dia inteiro). Preço sob consulta. Associados: – 10%. Transp. incluído.

Datas vagas: 1º (sexta-feira, Dia do Trabalho), 2 (sábado), 3, 10, e 31 (domingos).

JUNHO

6 – sáb – ALTO DO POUSO TRISTE (viagem) – Subida íngreme e bem aberta de elevação de 875 metros, na Serra do Piloto, com belíssimas vistas da baía de Sepetiba, além de muita história. Roteiro exclusivo do Ecoando (nível 6 – Mangaratiba – dia inteiro). Preço sob consulta. Associados: – 10%. Transp. incluído. Banho de rio.

11 – qui (Corpus Christi) – TRAVESSIA VARGEM GRANDE-GUARATIBA – Caminho histórico que atravessa matas do Parque Estadual da Pedra Branca, rico em história e curiosidades (nível 5 – Rio – cinco horas). R$ 75,00. Associados: grátis. Transp. opcional: R$ 60,00.

13 – sáb – CIRCUITO DO CONTRAFORTE SUL DA SERRA REDONDA – Caminhada circular por estradinhas rurais, trilhas e caminhos, com direito a banho de rio (nível 3 – Saquarema – quatro horas). R$ 75,00. Associados: grátis. Transp. opcional: R$ 60,00.

20 – sáb – CIRCUITO INTERNO DA LAGOA VERMELHA (viagem) – Caminhada plana em restinga e por dentro d’água, contornando um interessante e belo laboratório de história natural a céu aberto, no Parque Estadual da Costa do Sol (nível 5 – Saquarema/Araruama – dia inteiro). Preço sob consulta. Associados: – 10%. Transp. incluído.

21 – dom – TRAVESSIA LITORÂNEA PIRATININGA-ITAIPU (ecossolidária) – Caminhada ecourbana visitando praias, restinga, a Laguna de Itaipu e áreas úmidas da Região Oceânica (nível 3 – Niterói – três horas). Banho de mar. Custo: 2 quilos de alimento não perecível.

Datas vagas: 7, 14, 28 (domingos) e 27 (sábado).

Obs.: programação sujeita a alterações.

* ATP – A toda prova (atividade realizada mesmo com chuva, desde que viável).

** Atividade passível de ser cancelada em caso de chuva na véspera do passeio.

NÍVEIS DE DIFICULDADE

A classificação de níveis de dificuldade em caminhadas do Ecoando é representada através de numerais que vão do 1 ao 10, indicando em sentido crescente o grau de esforço do participante, as durações e extensões dos percursos, além das características físicas dos mesmos.

Assim, quanto mais alta a numeração, maior a extensão do percurso, a duração da atividade e o grau de esforço exigido.

Os níveis ímpares representam aqueles roteiros que possuem obstáculos e/ou subidas simples (ou seja, barreiras não tão técnicas e inclinações não tão acentuadas). Estes são os mais indicados a quem não tenha tolerância a alturas ou a subidas e descidas íngremes.

Já os níveis pares, indicam obstáculos e/ou subidas mais complexos. Ou seja, estes não são indicados a iniciantes, pessoas inexperientes ou aquelas que sofram de vertigem a altura e restrições a altas inclinações.

RELAÇÃO DOS NÍVEIS DE DIFICULDADE

ÍMPARES: obstáculos e/ou subidas simples.
PARES: obstáculos e/ou subidas mais complexos.

1 – extremamente leve, percurso muito curto (até 4 km, exceto passeios de barco, tours, etc.);
2 – leve, percurso muito curto (idem anterior);
3 – leve, percurso curto (até 8 km);
4 – leve, percurso curto (até 8 km);
5 – moderado, percurso médio (até 12 km);
6 – moderado, percurso médio (até 12 km);
7 – moderado, percurso longo (até 16 km);
8 – moderado, percurso longo (até 16 km);
9 – semi-pesado, percurso muito longo (acima de 16 km);
10 – pesado, percurso muito longo (acima de 16 km)

Obs.: as distâncias incluem ida e (quando for este o caso) volta.