Protocolos de segurança sanitária

Nesta seção, relacionamos os cuidados preventivos que adotamos nas atividades do Ecoando®, contra o novo coronavírus. E, assim, também demonstramos nosso rigor maior com a proteção e o bem-estar de nosso público e a coletividade, especialmente nestes tempos de pandemia e de negacionismo.

Tais cuidados, que se dividem em 5 categorias, foram elaborados com base em informações de órgãos de saúde e autoridades científicas, para justamente dar mais segurança aos participantes e a outras pessoas e grupos.

Importante: apenas a parte 1 desses protocolos é obrigatória aos participantes, ficando as demais sob responsabilidade maior do Ecoando® e de seu coordenador.

Em caso de dúvida, estamos à disposição.

1. Protocolos obrigatórios aos participantes:

1.1. O participante deverá desistir da atividade, caso o próprio ou pessoas de seu relacionamento próximo apresentem sintomas gripais (como febre, tosse, etc.) ou suspeita de Covid 19 (que incluem também perda de olfato e/ou de paladar). Nestas hipóteses, não haverá qualquer ônus pela desistência.

1.2. Usar máscara ou assemelhado desde o ponto de encontro até a finalização da atividade – e da maneira correta (ou seja, cobrindo boca e nariz). Excetuam-se as pausas para hidratação e alimentação, momentos em que a máscara poderá ser retirada, mas somente após comunicação prévia ao guia ou pelo guia, e desde que mantido o distanciamento mínimo de 5 metros entre as pessoas. O mesmo em eventuais banhos de rio ou de mar, quando será permitida a retirada momentânea da máscara – mas desde que respeitado o distanciamento mínimo de 5 metros em relação a outrem.

1.3. Trocar a máscara de três em três horas (exceto se a mesma tiver tratamento antiviral, quando a troca poderá ser prolongada), ou antes (caso fique umedecida). Manuseá-la cuidadosamente, apenas pelas extremidades e após higienização das mãos. Jamais tocá-la pela parte da frente, ou reutilizá-la no mesmo dia ou ainda compartilhá-la com outrem.

1.4. Portar quantidade de máscaras proporcional ou preferencialmente superior ao número de horas de duração da atividade, considerando o item anterior.

1.5. Acondicionar as máscaras usadas em saco ziploc individual oferecido gratuitamente pelo guia. Fazer a higienização das mãos a cada manuseio.

1.6. Manter distanciamento mínimo de 2 metros de outras pessoas, quando de máscara, e de 5 metros no mínimo, quando sem máscara (vide as três únicas situações previstas para tal, no item 1.2.)

1.7. Fazer a higienização frequente das mãos com soluções alcoólicas a 70% (spray ou gel, disponibilizados pelo guia ou próprios), ou com água e sabonete líquido.

1.8. Quando a bordo do Andarilho (a minivan do Ecoando), manter as janelas abertas o tempo todo.

1.9. Ainda sobre o Andarilho: fica proibido o consumo de líquidos e alimentos a bordo do mesmo. Em compensação, serão oferecidas paradas para tais consumos, fora do veículo, mantendo o distanciamento mínimo de 5 metros entre os participantes.

1.10. Em ambientes de grande movimentação (ex: lanchonetes e banheiros) e apenas quando não for possível evitá-los, deve-se evitar tocar com as mãos nuas em superfícies de uso comum (como balcões, torneiras e botões de descarga). Sugere-se o uso de papel toalha ou papel higiênico em tal manuseio, higienizando bem as mãos após o contato.


2. Protocolos preventivos preliminares (a cargo do prestador do serviço):

2.1. monitoramento da situação sanitária do local visitado, com informação sobre indicadores aos participantes;

2.2. Prioridade para recebimento de pagamentos através de transferência bancária;

2.3. Incentivo ao uso de automóvel particular, preferencialmente, ou carro de aplicativo e táxi, quando necessário, ao invés do ônibus, para eventualmente acessar e/ou deixar pontos de encontro e finais de caminhadas;

2.4. Envio (através de meios eletrônicos) e apresentação virtual (site) de documentos e de informações sobre as atividades e os locais visitados aos participantes;

2.5. Investigação sobre o estado de saúde dos participantes e de pessoas próximas, além de atenção ao próprio estado de saúde do coordenador/guia. Em caso de dúvida e ao menor sinal de mal-estar ou de sintomas suspeitos, proíbe-se a participação ou cancela-se a própria atividade.

3. Protocolos em pontos de encontro/busca (a cargo do prestador do serviço e, no item 3.2, dos participantes):

3.1. Aferição remota da temperatura dos participantes;

3.2. Manutenção do distanciamento mínimo de 2 metros entre as pessoas;

3.3. Franca disponibilização de álcool em gel ou spray;

3.4. Obrigatoriedade no correto uso da máscara e no distanciamento mínimo de 2 metros entre as pessoas.

4. Protocolos durante as atividades (a cargo do prestador do serviço e, opcionalmente, dos participantes)

4.1. Vigilância na obrigatoriedade do correto uso da máscara e do distanciamento mínimo de 2 ou 5 metros (dependendo da situação) entre as pessoas.

4.2. Recomendações de segurança, como falar pouco e evitar o contato físico.

5. Protocolos se segurança no Andarilho (a minivan do Ecoando – apenas quando este for contratado e a cargo do prestador do serviço):

5.1. Higienização prévia e minuciosa do interior do automóvel a cada viagem (chave, maçanetas, botões, bancos, cintos de segurança, consoles, câmbio, volante, revestimentos, tapetes, etc.);

5.2. Franca disponibilização de álcool em gel, álcool 70 em spray e lenços de papel;

5.3. Adoção de pedágio automático;

5.4. Redução na lotação (de 7 para 3 – preferencialmente – ou 4 ocupantes, já contando o motorista/guia);

5.5. Vigilância na obrigatoriedade das janelas abertas, ao invés do uso do ar condicionado;

5.6. Disponibilização gratuita de uma máscara por participante, acondicionada em embalagem ziploc e acompanhada de outra embalagem do mesmo tipo (esta para acondicionamento seguro de máscaras usadas);

5.7. Higienização da sola dos calçados com álcool 70 em spray, antes de cada embarque. Oferecimento, sempre que possível, de locais onde os participantes possam tomar banho e/ou trocar de roupa, antes do reembarque.

5.8. Vigilância na obrigatoriedade do correto uso da máscara e na proibição de consumo de alimentos e bebidas a bordo do veículo.

5.9. Suspensão do fornecimento do serviço de bordo.

5.10. Paradas em locais considerados seguros, para permitir o consumo de líquidos e alimentos fora do veículo, além do uso de banheiros (vide itens 1.8 a 1.10).

Fontes:
INEA: http://www.inea.rj.gov.br/wp-content/uploads/2020/08/RESOLU%C3%87%C3%83O-INEA-N%C2%BA-200.pdf

FIOCRUZ: https://portal.fiocruz.br/coronavirus/material-para-download. Acesso em 10/08/2020.PREFEITURA DE NITERÓI: http://www.niteroi.rj.gov.br/downloads/PDF_SITE_CORONAVIRUS.pdf e https://coronavirus.niteroi.rj.gov.br/#/main/dyview/open-pdf/%3Fhttps:%2F%2Fmobilex.blob.core.windows.net%2Ffiles%2FPROTOCOLO_DISTANCIAMENTO.pdf/Protocolos%20de%20Distanciamento/0