Avisos e notícias

Devido à pandemia do coronavírus, informamos que todas as atividades de campo do Ecoando (caminhadas, passeios, viagens) estão em suspenso, aguardando o fim do necessário isolamento social.

Ainda assim, resolvemos não alterar os textos originais deste nosso site, com o intuito de cultivar a esperança em dias melhores.

Por isso, não estranhe. E aproveite para se unir a nós nesse esforço de resiliência.

Vamos lá:

21/03/2020 – NOVO COMUNICADO DO ECOANDO SOBRE O COVID-19 E A PROGRAMAÇÃO DE ATIVIDADES

Em função do aprimoramento de informações e medidas sobre a Covid-19, além de uma maior consciência sobre a gravidade, os riscos e as consequências individuais e coletivas dessa doença, estamos reorientando nossos protocolos de ação.

Assim, a partir de agora, toda a programação de atividades do Ecoando estará suspensa, até que tenhamos a certeza de que existe segurança suficiente para a sua retomada.

Este é o terceiro comunicado informando sobre o posicionamento de nossa instituição frente à pandemia. Desta forma, pedimos para que sejam desconsiderados os outros dois, tanto por estarem desatualizados, quanto por conterem algumas informações que reconhecemos agora serem pouco pertinentes.

Aproveitamos a oportunidade para dizer que, com a suspensão temporária de nossas atividades de campo (aquelas que proporcionam maior arrecadação e sustentabilidade financeira ao Ecoando), seremos gratos às associadas e aos associados que puderem e considerarem válido o esforço em continuar contribuindo com suas mensalidades, durante esse período.

Essa atitude não resolverá sozinha o problema de nossa sobrevivência enquanto organização, mas será uma ajuda fundamental neste sentido. Por outro lado, quem quiser trancar sua matrícula ou precisar fazer isso por conta de eventual dificuldade financeira, é seu direito.

Nesse meio-tempo de confinamento, estaremos atendendo virtualmente e trabalhando normalmente em afazeres burocráticos. Daí, qualquer coisa, estamos à disposição, nem que seja só para dar um oi.

Por fim, lembramos que o Ecoando vivenciou outras graves crises ao longo de seus quase 30 anos de existência, certamente não tão perigosas quanto esta. No entanto, exortamos que temos os atributos necessários para sobreviver a ela – como responsabilidade, resiliência, esperança e paixão pelo que fazemos. E também muita vontade em prosseguir.

Por enquanto, cabe a cada um de nós aproveitar como pode a oportunidade de reflexão na pausa obrigatória, além de seguir rigorosamente as recomendações das autoridades sanitárias e cuidar da saúde corporal, mental, emocional e das relações com nossos familiares, amigos, vizinhos. E aguardar a pandemia acabar.

Daí sim, passado o pesadelo, pensemos em levantar, sacudir a poeira e dar a volta por cima.

Forte abraço virtual!

Cássio Garcez
Coordenador